, ,

Vacina contra HPV também deve ser aplicada em meninos, em 2017

Medida visa prevenir outros tipos de câncer

Boy and vaccine syringe

Atualmente, uma das principais medidas tomadas para prevenir o câncer de colo de útero é a aplicação da vacina contra o Papiloma Vírus Humano (HPV) em meninas entre 9 e 13 anos.

O HPV é um vírus que atinge a pele e as mucosas, podendo causar verrugas ou lesões percursoras de câncer. Segundo o Ministério da Saúde, a aplicações em pré-adolescentes do sexo feminino era a primeira fase da campanha e, a partir de 2017, os meninos também entrarão no foco da vacina.

Agora também para meninos

De acordo com especialistas da área, o Papiloma Vírus Humano está relacionado a casos de câncer, não apenas no colo do útero, mas também em pênis, ânus e boca e a aplicação da vacina antes do início da vida sexual pode impedir a exposição ao vírus, diminuindo no país os casos das doenças.

As vacinas contra o HPV serão, inicialmente, aplicadas em meninos entre 12 e 13 anos. No entanto, o plano do governo é ampliar essa faixa etária até 2020, para que todos os meninos entre 9 e 13 anos sejam atendidos, assim como as meninas.

Cuidados com o HPV

Algumas pessoas acreditam que, após infectadas, não necessitam tomar a vacina. Porém, é importante lembrar que existem vários tipos de HPV, portanto, é de extrema importância a utilização da vacina, para garantir a imunização contra os demais tipos de virus não adquiridos.

E você? O que pensa sobre esse assunto? Confira o vídeo do Dr. Dráuzio Varella explicando um pouco mais sobre a doença e não se esqueça de compartilhar essa matéria!

Compartilhe essa dica!

Original: bbc.com

 

Fonte: http://gravidez.online/vacina-hpv-meninos/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receita de Brigadeiro de Maracujá servido em copinho

Vacina contra HPV também deve ser aplicada em meninos, em 2017