,

Fofo Meu Deus! Triste

Salva-vidas resgata criança de abusador na praia

O homem ‘queria beijar’, e levou criança para a água

Que o mundo anda cheio de perigos, infelizmente, não é novidade para ninguém. Em meio a tudo isso, as crianças continuam sendo as que mais sofrem com as constantes ameaças do mundo. Essa tinha tudo para ser mais uma trágica história de maldade. Mas uma salva-vidas impediu o pior de acontecer.

No litoral paulista, um homem arrastou um menino de apenas 8 anos de idade para a água, com a intenção de abusar sexualmente da criança. Porém, a salva-vidas Roberta Alessandra Oliveira Costa, de 37 anos, impediu o crime de acontecer. Segundo ela, o comportamento suspeito do homem teria atraído a atenção da profissional, que tratou de acompanhar seus movimentos mais de perto.

O menino estava afastado da família, brincando. O homem aproximou-se e começou a forçar a entrada da criança na água, onde o crime aconteceria. Antes disso, o homem havia passado a mão na cabeça de uma menina e estava rondando as crianças que brincavam na areia, tudo isso de forma muito suspeita.

Roberta sabia que o homem não era da família da criança, pois já os tinha visto. Ela foi em direção à água, e perguntou se o menino sabia quem era o homem. Quando a resposta da criança foi, como esperado, negativa, a salva-vidas não se apressou em tirar o menino daquela situação e levá-lo para a família.

Mesmo com a presença da salva-vidas, o homem ainda puxou a criança para perto, afirmando que ‘queria beijar’.
Roberta, que trabalha como salva-vidas há 8 anos, não tinha conhecimento de nenhum caso parecido, onde um salva-vidas impediu um crime desse tipo. Mas, segundo ela, o fato de ter filhos fez com que ela prestasse um pouco mais de atenção. Mães e pais possuem momentos de distração, e isso é absolutamente normal. O problema é que esse tipo de crime acontece muito rápido, e crianças podem desaparecer em questão de segundos.

Quando o menino foi entregue, em segurança, de volta para a família, a polícia foi chamada. O homem de 29 anos não estava sob efeito de bebida alcoólica, e já tinha sido preso por homicídio e roubo. Ele ficará preso na cadeia anexa ao 5º Distrito Policial.

 

 

Que conforto saber que existem anjos disfarçados, como a salva-vidas Roberta, não acha?

Dicas de cuidado para pais de crianças:

1. Em praias ou lugares muito cheios, dê instruções claras para que as crianças fiquem sempre perto.

2. Confira como andam os pequenos, ainda mais se notar que eles estão muito silenciosos

3. Ensine seu filho o que deve ser feito caso ele se perca: com quem falar, onde esperar/encontrar, nome completo do pai, mãe ou responsável

Compartilhe essa dica!

Comentários

Leave a Reply
    • Isso acontece mas, q a família teve uma bela parcela de culpa teve. Deviam estar enchendo o rabo de cerveja aí esquecem q tem filhos. Vejo muito essas situações na praia onde a bebida é mais importante q o filho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comentários

comentários

Jovem sofre paralisia após vacinar-se contra o HPV

Salva-vidas resgata criança de abusador na praia